Anadarko desiste da venda de seus ativos no Brasil

 

A petroleira americana Anadarko arquivou seus planos de vender os ativos no Brasil, depois de não conseguir um preço aceitável, disse a empresa ao jornal britânico “Financial Times”.

Segundo a publicação, esse foi o sinal mais recente da perda de entusiasmo das petroleiras estrangeiras no Brasil, apenas cinco anos depois da descoberta do pré-sal.

A recente revisão das metas de produção da estatal Petrobras e da OGX, empresa do bilionário Eike Batista, trouxe dúvidas sobre o verdadeiro potencial das reservas do pré-sal. Ao mesmo tempo, os processos e multas movidos contra a Chevron e a sua parceira, a Transocean, após vazamentos na costa carioca, preocuparam os investidores.

As exigências e interferências do governo brasileiro também tornaram o país um destino menos atrativo, diz a reportagem publicada ontem.

O Governo insiste em um alto grau de conteúdo local em novas plataformas de produção, o que eleva os custos.

A Exxon Mobil abandonou neste ano seu único bloco no Brasil, após perfurar três poços e nada encontrar. Outras companhias temem arriscar.

Empresas como Statoil, Total e Marsk mostraram interesse nos ativos da Anadarko no pré-sal, avaliados em mais de US$ 3 bilhões, mas não fizeram oferta suficientemente alta, informou o jornal.

Segundo a reportagem, os investidores que se deram bem foram aqueles que investiram no Brasil anos atrás e agora se tornaram parceiros da Petrobras na exploração do pré-sal. Mas mesmo essas empresas temem as exigências do governo para o uso de peças locais nas plataformas.

Com as informações – Valor

Por Rodrigo Cintra

 

 

 

 

About these ads

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s