Arquivo da tag: LLX

EBX – Negócio da China é cancelado

A Wuhan Iron & Steel, quarta maior produtora de aço da China, desistiu do plano de construir uma siderúrgica de 5 bilhões de dólares no Brasil em joint-venture com o Grupo EBX, após uma série de estudos de viabilidade ter concluído que o risco era muito alto, publicou nesta terça-feira o 21st Century Business Herald. Continuar lendo

Subsea 7 fecha contrato com LLX para área no Superporto do Açu

A LLX Logística informou que na sexta-feira, sua subsidiária LLX Açu Operações Portuárias celebrou com a Subsea 7 do Brasil Serviços contrato para arrendamento de área no TX2 do Superporto do Açu, localizado no norte do Estado do Rio de Janeiro Continuar lendo

EBX abre vagas em seu primeiro programa de trainee

O Grupo EBX, do empresário Eike Batista, está com inscrições abertas, até o dia 24 deste mês, para o seu primeiro programa de trainee. Formados entre julho de 2010 e julho de 2012 em 17 cursos de engenharia Continuar lendo

Superporto do Açu – Ministério Público do RJ pede cancelamento da Licença Ambiental

O Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MP-RJ) entrou com ação civil pública, nesta quinta-feira (12), para suspender as licenças ambientais das obras de implantação da Siderúrgica Ternium S/A no Porto do Açu, em São João da Barra, no Norte Fluminense. Continuar lendo

LLX anuncia novo CFO

A LLX Logística (LLXL3) anunciou nesta terça-feira (6) que Eugenio Figueiredo é o novo CFO (Chief Financial Officer) da companhia. Figueiredo substituirá Leonardo Gadelha, que foi indicado para o cargo de CFO da CCX, empresa que implementará o projeto integrado de mineração de carvão na Colômbia. Continuar lendo

LLX e Superporto do Açu – Diversos problemas rodeando o porto de Eike no RJ

O Município de São João da Barra (RJ), onde será instalado um megacomplexo industrial capitaneado pelo empresário Eike Batista, vai presenciar nos próximos anos um crescimento como poucas vezes se viu no país. Continuar lendo

LLX anuncia fim da paralisação dos funcionários da obra no Açu

Em nota à imprensa, a LLX anunciou o fim da paralisação de trabalhadores de empresas terceiradas que atuam nas obras do Superporto do Açu. Continuar lendo

Superporto do Açu – Operários param de trabalhar e queimam pneus na entrada da obra

Cerca de 1.500 funcionários de umas das empreiteiras responsáveis pelas obras de construção do super porto do Açu, em São João da Barra, no norte do Estado do Rio, fizeram uma paralisação e fecharam a estrada de acesso ao complexo portuário na manhã desta segunda-feira (27), ateando fogo em pneus e galhos. O fogo foi logo controlado, mas os manifestantes continuaram ocupando a rodovia. Continuar lendo

Logística – Brasil e EUA estão a R$ 1 trilhão de distância um do outro

O Brasil parece ter reencontrado no capital privado uma saída para superar décadas de estagnação nos investimentos em infraestrutura. O sucesso dos leilões de três grandes aeroportos — Brasília, Guarulhos e Viracopos — jogou luz sobre oportunidades de negócios em pelo menos 20 grandes projetos já iniciados ou prestes a começar. Continuar lendo

Technip ganha contrato com a Petrobras – Conteúdo nacional à vista

A Technip anunciou nesta terça feira, dia 7 de fevereiro, que ganhou um contrato de cinco anos com com a Petrobras num total de US$ 2,1 bilhões, cujo foco será a construção de 1400 kM de dutos submarinos para escoamento de petróleo na costa do Brasil. Continuar lendo

EBX divulga balanço super positivo de 2011

O ano de 2011 foi positivo para o Grupo EBX, com importantes conquistas alcançadas pelas suas cinco companhias abertas (MMXLLXMPXOGX e OSX) e com o lançamento de novos empreendimentos. Ao longo do ano, a holding expandiu seu leque de atuação com a criação de três novas empresas: SIX, AUX e NRX-NEWREST. Ao todo os investimentos do grupo somam US$ 15,5 bilhões entre 2011 e 2012 no Brasil, com geração de cerca de 20 mil postos de trabalho. Continuar lendo

LLX pode fechar contrato de 500 mil barris por dia de movimentação com a OGX no Açu

A LLX pode fechar até o fim deste ano um contrato com a OGX para movimentação de 500 mil barris de petróleo por dia (bpd) no Porto do Açu, empreendimento em construção em São João da Barra, no Rio de Janeiro. Ambas as empresas fazem parte do grupo EBX, de Eike Batista. Continuar lendo

Technip vai construir fábrica de dutos no Superporto do Açu

A companhia francesa Technip anunciou nesta quinta-feira que irá construir uma fábrica de dutos flexíveis usados em plataformas petrolíferas marítimas, obra no valor de RS$ 365 milhões. Continuar lendo

LLX e Petrobras em negociação para escoamento do Comperj

A Petrobras está em negociação com a LLX para assinar um acordo que determine a logística de transporte dos produtos a serem fabricados no Comperj (Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro), atualmente em construção, de acordo com informações do jornal O Estado de S. Paulo. Continuar lendo

LLX cogita Ellen Gracie para o Conselho de Administração

A LLX Logística quer ter no conselho de administração a ex-presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Ellen Gracie Northfleet. A possibilidade foi revelada hoje em comunicado enviado ao mercado que detalha a proposta da administração da companhia para apreciação na Assembleia Geral Extraordinária que será realizada em 4 de novembro. Continuar lendo

Eike amplia participação na OGX

Eike Batista, magnata que controla várias empresas nas áreas de recursos naturais e infra-estrutura no Brasil, realizou operação no mercado financeiro pela qual ampliou sua participação na empresa de petróleo OGX, da qual já é controlador. Continuar lendo

Eike pode investir R$ 1,2 bilhão para duplicar superporto do Sudeste

A duplicação do superporto do Sudeste pode custar 1,2 bilhão de reais. A informação é do presidente da MMX, Roger Downey, que classificou a cifra como “preliminar”. A declaração foi dada à agência Bloomberg. Continuar lendo

LLX estuda ferrovia para o Superporto do Açu

A LLX firmou um acordo junto à Ferrovia Centro-Atlântica (FCA) visando a construção de uma ferrovia que ligará o Superporto do Açu à região de Ambaí, no município de Nova Iguaçu (RJ). Continuar lendo

Boskalis pega contrato de € 200 milhões com a LLX e OSX

A empresa holandesa de dragagem Boskalis acaba de conquistar um enorme contrato no Brasil para a construção do novo terminal portuário no Superporto do Açu, na região norte do estado do Rio de Janeiro. O contrato é avaliado em 200 milhões de euros e foi firmado com unidades da LLX Logística S.A. e OSX Brasil S.A., controladas pelo bilionário Eike Batista. Continuar lendo

Novo Ministro da Pesca visita o Superporto do Açu

O Ministro da Pesca Luiz Sérgio Nóbrega esteve no Superporto do Açu durante visita ao município de São João da Barra, norte do Estado do Rio de Janeiro. O empreendimento, construído pela LLX, empresa do Grupo EBX, do empresário Eike Batista, está com obras adiantadas e sua construção utiliza a mais moderna tecnologia portuária. Continuar lendo

LLX recebe autorização da ANP para a UTP do Superporto do Açu

A LLX recebeu da Agência Nacional do Petróleo (ANP) autorização para construir uma Unidade de Tancagem e Tratamento de Petróleo (UTP) no Superporto do Açu, São João da Barra, litoral norte do Rio de Janeiro. Continuar lendo

FAETEC qualifica mão de obra para o Superporto do Açu

A população de São João da Barra será contemplada com um convênio entre a Fundação de Apoio à Escola Técnica (Faetec) e a prefeitura municipal. A intenção é levar os cursos profissionalizantes às comunidades que vivem um período de crescimento com a construção do Complexo Portuário do Açu e a sua necessidade de mão de obra qualificada. Continuar lendo

Eike leiloa mais ações na Bovespa

A BM&FBovespa realizou nesta sexta-feira oferta pública para aquisição das ações com direito a voto (ON) da PortX, empresa do grupo de Eike Batista. Os papéis foram comprados a R$ 3,56 por ação e o leilão movimentou R$ 6,343 bilhões. Foram negociadas 915.811.267 ações ordinárias. Continuar lendo

Superporto Sudeste vai bem, obrigado

Empregos, geração de renda, novos negócios de um lado. Risco de aumento da violência, favelização e poluição de outro. Moradores da pacata ilha da Madeira, em Itaguaí, a 70 quilômetros do Rio, se mostram divididos sobre o futuro que está sendo imposto à região. Continuar lendo

Novo terminal de minério em Itaguaí

Após anos de avanços e retrocessos, em discussões que envolveram aspectos de licenciamento ambiental, o Rio tende a ganhar, finalmente, um novo terminal para a exportação de minério de ferro. Continuar lendo

LLX prossegue com obras no Superporto do Açu

A LLX já retomou as obras no Superporto do Açu, em São João da Barra, no norte do Estado do Rio de Janeiro. Os manifestantes que bloqueavam a principal via de acesso ao porto já desobstruíram a passagem e o turno de trabalhadores da noite já está no local para continuar as obras. Continuar lendo

Rapidinhas!

Boa noite, galera. Rapidinhas pra esquentar essa noite fria. LLX é alvo de protestos por desapropriações no Norte Fluminense. Mais um navio confirmado para Niterói e HRT iniciando a perfuração no Solimões. Não durma no ponto e fique ligado nas Rapidinhas! Continuar lendo

CVM autorizou – MMX agora controla o Superporto Sudeste

A MMX, empresa de mineração do empresário Eike Batista, obteve autorização da CVM (Comissão de Valores Mobiliários) para fazer uma OPA (oferta pública de permuta de ações) para adquirir os papéis da PortX, que compreende os ativos do chamado Superporto Sudeste. Continuar lendo

Rosinha pede e Eike muda projeto em Campos

O Empresário Eike Batista garantiu esta semana à Prefeitura de Campos que o traçado do Corredor Logístico do Porto do Açu será refeito. Eike se reuniu quinta-feira com a Prefeita Rosinha Garotinho e afirmou que determinou ao corpo técnico da LLX o início da revisão do projeto, com o primeiro encontro de trabalho tendo sido marcado, na sede da LLX, no Rio, para a segunda-feira, com a presença da prefeita e de engenheiros e técnicos do Município. Continuar lendo

Portos com valorização absurda no Mercado de Ações

Investidores estão despejando dinheiro em ações de operadoras de portos brasileiros, mesmo a preços três vezes mais altos que os do mercado em geral. A expectativa é que os atrasos em embarques e os volume recordes de carga impulsionem os lucros dessas companhias. Continuar lendo